domingo, abril 17, 2016

las nietas

Cada dia que passa tenho mais certeza de que não há nada na vida que a religião não tenha tentado destruir. Todo mundo se fecha no assunto da política hoje, não falo sobre o resultado da votação, mas sobre a grande maioria dos discursos feitos num congresso nacional, cujo país tem a laicidade na constituição. Deus (somente o cristão) e a família (somente a heteronormativa) sendo citados como arma. Posso falar que em alguns discursos mais pesados, dá um nó na garganta, um desespero de viver na mesma época que essas pessoas. Mas também bate uma esperança quando olho pra história. Se cheguei até aqui é porque outras pessoas resistiram antes de mim. Os fanáticos religiosos passam, nós ficamos. Eles morrem e mais de nós nascemos a cada dia. O nome disso é resistência. E como nós sabemos resistir! Isso me conforta.

2 comentários :

Rosana Tibúrcio disse...

Post maravilhoso. Como o anterior.

Julia disse...

Que lindo isso, Patrícia.
Esse post até me animou mais um pouco.
Resistiremos.