domingo, maio 19, 2013

liminha


Sabe aquele mala que era tipo um assistente do Gugu, o Liminha? Aquele cara que tem por ofício animar a galera, só que não? Não passa de um chato que tá ali apenas porque você não quer ter o desconforto de comprar uma briga ao dizer "amigo, tu é chato pra caralho"?

Então, tem um Liminha na minha turma da faculdade.

Preciso voltar no tempo, em março, no início das aulas. A maioria dos calouros falta na primeira semana para fugir do trote, eu fiz questão de ir porque sei que é exatamente na primeira semana que os laços de amizade são criados. Não queria participar do trote, mas se todo mundo participasse, eu não seria a única a dizer não. Graças a deus, grande parte da turma não participou. Só uma pequena parte foi para o trote e assim seguimos a vida. Inclusive foi super leve, mas né, idade: não temos.

Eis que na segunda semana aparece uma galera nova e entre eles, Liminha, visivelmente deslocado.

Começou a adicionar todo mundo no facebook, embora pessoalmente não dissesse uma palavra. Fala mal de tudo no facebook (quem sou eu) e outro dia soltou a pérola do orgulho hetero, não deu 1 minuto e eu postei aquele tweet que rodou o twitter dia desses:

Torta de climão é pouco.

O tempo passou, Liminha era isolado por todos porque:
1) É chato pra caralho
2) Nego não curte ele no facebook.

Semana passada, vem a reviravolta. Liminha surta no grupo do FB, diz que precisa falar com a turma no dia seguinte e solta a célebre frase que virou piada em tudo que é canto: "SOMOS UMA TURMA E NÃO GRUPOS ISOLADOS".

HAHAHAHAHAHAHAHAH

Ai gente. Sério. Pessoa com 20 anos na cara, querendo dar lição de moral numa turma de faculdade. Ele pensa que isso aqui é ensino médio? Qual o próximo passo, reclamar com o reitor da universidade?

Daí uma das meninas, que, visivelmente, ele quer pegar, começou a dar trela nessa coisa e agora ele usa a menina dizendo "Eu e Fulana achamos isso e isso". Como se a Fulana fosse a extensão do que ele pensa. No final de uma aula, ele foi lá na frente falar sobre a importância da integração e blablabla, todo mundo com aquela cara Q, porque já está todo mundo integrado com seus grupos (coisa super normal, afinidades etc), menos ele. Falou que temos que sair fora da faculdade, quando rysos, todo mundo já sai, menos ele. Para evitar a fadiga ninguém chega e diz "gato, menos". E então, como ninguém disse nada, ele se autointitulou líder de todos nós para "agitar as paradas".

Rir: só o que me resta.

12 comentários :

Anônimo disse...

Gente, entra era, sai era...e sempre terá o Zé Buceta da sala, que obviamente irrita muito durante os semestres todos, mas tambem nos faz rir horrores e é pauta para bullying durante muitos cafés kkkk!
Meu momento favorito é quando tem apresentação de trabalho e os Liminhas da vida vão lá na frente falar, risada certa.

Priscilla disse...

Tive um zé ruela desse na faculdade, mas ele durou até o segundo período. Depois trancou. Acho que ele viu que esse obaoba não ia durar muito tempo.

Lola disse...

No máximo vai durar dois anos.
Sério. Ou ele sossega a piriquita, ou ele percebe que ainda não tá em (matur)idade pra faculdade e vaza.

Enquanto isso, apenas aprecie o espetáculo.

David disse...

Não sei o que é pior: esses debeis mentais que acham que ainda estão no ensino médio ou aqueles retardados que estão há 30 anos na faculdade, mas não frequentam aula nenhuma, pois estão ocupados demais com as atividades do grêmio.

Anônimo disse...

David, esses são os dinossauros.

Anônimo disse...

Soh eu q nao vi nd demais nesse tweet dele? E q achou estranho a vida nova de colegial q a patricia ta levando? Hrhehe

Boa sorte, gata. Quanto mais vc socializar, mais gente cu vc conhecerá

José Aroldo disse...

Rysos!

Vítor L disse...

patrícia, reflita comigo: antes liminha do que stálin. beijos

Fabiana disse...

Liminhas fazem cola pra toda turma usar em dia de prova. Também não sabem colar e são espalhafatosos, o que chama a atenção do professor, e o resto da sala pode colar com mais tranquilidade.

Wesley Lacerda disse...

Mas Patricia, você deve ser a mais realista da turma, dê um tapa de realidade na cara dele. Não consigo lidar com gente assim, eu falo na cara quando não gosto.

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Também voltei para faculdade e tinha um louco desses na minha turma. Só que no meu caso era psicopata mesmo e a galera mais nova com medo dele entrar na sala aramado e matar todo mundo. Ficava postando umas merdas no face do sala e ameaçando todo mundo. Graças a Deus teve um surto de consciência e sumiu na primeira semana de provas e hoje é tratado como "aquele que não deve ser nomeado"...
Tenha fé ela não termina o período.

simone disse...

aiinn fiquei tão feliz de ver q vc encontrou seu grupinho! much love <3 (sou ridícula? ok, mas nem tanto, vai...)
bjsssssssss