domingo, abril 24, 2011

coelhinho da páscoa, que mágoa trazes pra mim?

Quarto post seguido da família. Em minha defesa tenho que fui para o olho do furacão, fui pra Fukushima. Fui pra Minas passar o feriado com a minha vó. Poderia contar todas as cenas, mas né, cansa até a mim. Mais do mesmo e tal. Fica só uma cena - mais uma - para a posteridade.

Tio estuprador: Mais tarde te acompanho no táxi até a rodoviária, nunca se sabe se um taxista vai faltar o respeito com você.


Essa é a minha vida. Esse é o meu clube.

6 comentários :

Anônimo disse...

Espero que vc não tenha aceitado a companhia dele

'Lara Mello disse...

A maioria das pessoas não nos compreendem.. Isso é um fato! Bju

Anônimo disse...

JOga o nome do infeliz na roda...

morri disse...

Se você tá em Ipatinga é capaz de ser parente de um amigo meu, o tio dele também é estuprador, ele casou com a estuprada. RYSUS

katy disse...

aahhhhhh seria cômico se não fosse trágico. vc não mandou ele tomar no c*? manda vai!!!! por mim!!!!

naofiqueemcasa disse...

Puts... Meio punk essas coisas... Não consigo imaginar a minha reação num momento desses, vontade de pagar pra alguém bater, pq de tantos inimigos quem poderia desconfiar de vc! rs
Bjusss