terça-feira, novembro 09, 2010

mundo cu

Sabe que eu cansei? Cansei de reclamar. Poderia contar aqui tudo que me aconteceu hoje e fazer, sei lá, as pessoas rirem com a minha vida triste, alguém comentar kkkkk e eu pensar "meu deus, onde é que há gente no mundo?" e tal, mas nem. Porque cansa. É como se todo dia fosse uma repetição do dia anterior, mas com uma diferença: piora. Como se fosse um teste. Hoje, dia 1, enfiaremos um pau no seu cu. Hoje, dia 2, enfiaremos 2 paus no seu cu e por aí vai. Um teste de resistência sem me dar a possibilidade de desistir porque né, não rola traumatizar mamãe.

Eu sei que hoje eu estava pensando no louco do bobs quero-o-meu-dinheiroooo, na louca me-dá-meu-chip-pedro, na Monique Evans quero-que-todo-mundo-vá-tomar-no-cu, no Theo Becker esse-aqui-é-irmão-desse-aqui-ó etc, em todas as pessoas que surtaram em momentos banais, embora tudo nunca seja por coisa banal, saca. É só a gota d'agua, aquele momento de dizer "desisto de viver em sociedade e quero que todo mundo vá a merda". Só que a maioria das pessoas não sabe que antes do surto aquela pessoa aguentou um monte. Foi chifrado, perdeu uma promoção no trabalho só porque o chefe escolheu um amigo, bateu o carro, a casa inundou, está longe das pessoas que ama, o cara que você gosta vai se casar, pessoas próximas te ignoram etc etc etc. O momento do surto pode ser qualquer um. Você andando na rua e uma pessoa te esbarra e pronto, no segundo depois você está no chão aos tapas com uma pessoa qualquer. Você entra em uma lanchonete, o lanche veio errado? Pega o hamburger, esfrega na cara do atendente e diz EU QUERO O MEU DINHEIRO e pronto. Alívio. Você que aguentou tanta coisa, mas um big bob errado você não pode aguentar. Porque chegou o momento de dizer chega. É o seu debut. Quando você renasce das cinzas e enfia o dedo no cu de todo mundo. Quando você é oficialmente tido como louco. A escória da sociedade.

Estou quase lá.

34 comentários :

Raiza disse...

Já aconteceu comigo.Fiquei como a vilã da história pra muitos,mas olha,lavei minha alma.Super recomendo.Um "surto" é capaz de mudar nossas vidas pra melhor.

Dee disse...

A cada dia que passa, eu me reconheço mais no seu blog e né, olha, sem palavras.

Eu tenho medo de surtar um dia assim. E o pior é que parece que a coisa é inevitável. E imprevisível.

Patrícia disse...

ai cara, leio teu blog faz anos (ou o quanto tu tens ele) e sempre me diverti. mas ultimamente tu andas meio (oi) pra baixo.
ok, desde que mudou pra esse lugar enigmático e quente.

deve ser realmente muito foda, muito mesmo, e eu realmente queria poder te ajudar de alguma forma, como "agradecimento" ao antigo estilo do blog, sabe?

Já deves ter ouvido muito "volta pra casa da tua mãe!", mas eu acho que é isso mesmo, viu? é o que eu faria, desde o primeiro dia. e foda-se o que os outros vão dizer/pensar. não são eles que estão aí.

Mas sei que eu não posso te ajudar de forma nenhuma, a não ser torcer e te desejar muita força!

Pimenta disse...

Bjo.Enfia mesmo, e com força(digo isso porque não estou por perto, no fundo, somos todos uns filhos da puta que querem parecer bonzinhos)
bjos

Elax disse...

To ORANDO pra esse dia chegar.

Ana P. disse...

Sabe o que é entrar aqui e se sentir COMPREENDIDA?

Hoje eu me tranquei no banheiro do trampo [NEM PRECISO TE DAR MOTIVOS, VOCÊ DEVE ME ENTENDER] pra chorar. CHORAR. Formou pocinha de lágrimas no chão, sabe?

Tudo porque eu não queria perder o controle [HAHAHA. Chorar no banheiro do trampo é muito coisa de gente controlada] e sei lá, sair matando geral ou mandando nego enfiar a porra da meta no cu, pegar a arma do segurança e dar tiro em todo mundo, sabe?

Sabe essas coisas?

Eu me imagino, eu visualizo essas cenas, te juro. Quando vejo nego surtando por um "nada", eu juro que não me espanto mais. Eu COMPREENDO aquela pessoa e só tenho vontade de abraçar e dizer que tudo vai ficar bem.

Mas nada vai ficar bem. Nunca ficará bem.

Um abraço, amiga Patrícia. Porque eu TE ENTENDO MUITO.

[e isso que eu ainda tô perto da minha família, mas sei lá, talvez isso seja só parte do problema todo.]

Anônimo disse...

Patrícia,

Sinceramente, você deveria ler Charles Bukowski - se não sabe quem é? :
http://www.google.com/search?q=%22Charles+Bukowski%22+site:.br&hl=en&num=100&lr=&ft=i&cr=&safe=images

Tayra disse...

Você não tem noção do quanto de solidariedade e percepção de sociedade você conseguiu expressar nesse texto. Parabéns!!!

Sir Anderson, KBE ♕ disse...

TE AMO PATRICIA, PORRA!

'Lara Mello disse...

Hoje foi um dos seus melhores post! E sabe pq agente ri, pq vc escreve de uma forma que não tem como ri..Eu ri com:"Hoje, dia 1, enfiaremos um pau no seu cu. Hoje, dia 2, enfiaremos 2 paus no seu cu e por aí vai." Desculpa..Bju!

luba disse...

ai ai ai Patricia...


QUASE que meu momento era hoje. Coincidentemente, foi num fast food.

Eu pedi sorvete misto e a vaca me deu de baunilha.

Diz aí se é motivo pra enfiar copo e tudo bem dentro do cu dela?


Ai ai. Sabe quando imaginar alivia? Pois...

Visão disse...

Ter um auto-controle é FODA! Às vezes eu tenho vontade de ter esses ataques de loucura, mas me controlo. Sempre estou dois passos adiante e pensando nas consequências dos atos.
Outro dia estava tentando fazer uma vitamina, e minha prima, que não paga nada dentro de casa, achou um absurdo eu usar tres colheres de leite,e resmungou. Eu preciso dizer que coloquei mais 3, só para não jogar o liquidificador ligado dentro da cabeça dela? Mas a vontade foi constante.
Mas vez ou outra eu digo para alguém "se não está satisfeito com a minha atitude, mete o dedo no cú e rasga. bjas!"
Beijão!

Anônimo disse...

Chegue lá.
Mas faça ao redor de pessoas munidas de celulares com câmera, por favor.
















































brinks.






n. Sério. Acho que um "surto" te faria bem - vc tem mto o que transbordar

Anônimo disse...

Sua vida está gasta. A minha também. E eu sou até mais nova que você. É como se o destino já tivesse me fudido tanto que eu só pudesse pensar: pra que mais vida? Eu estou lendo um livro do José Saramago chamado "A Viagem do Elefante", mto bom por sinal (aliás, não é o cúmulo da ironia uma obesa gostar tanto de elefantes? Freud nem precisa explicar). Na contracapa diz que Saramago escreveu seu primeiro romance aos 60 anos. O auge da carreira dele foi lá pelos 80. Sabe? Daí eu fiquei pensando... porra, ele viveu uma vida nova a partir dos 60. Ele se reinventou e acabou sendo um dos melhores no que fazia.
Eu sei que não sou um Saramago, mas isso me fez refletir. Talvez o que eu precise seja mesmo tacar um Big Bob na cara do atendente e me reinventar também. Mesmo que doa.

Larissa disse...

como eu já quis enfiar no de todo mundo também várias vezes... e já derrubei meu quarto na raiva, revirei tudo e fiquei chorando na bagunça.
ja quis explodir... dar tapa na cara de chefe...
tive um cancer pq eu falei "eu ainda vou criar um cancer neste lugar" e eu tive!
ai eu leio o que vc escreveu e eu lembro dum psicologo meu falando: "com educação e respeito você vai ter que aprender, aos poucos, a falar o que pensa para aqueles te chateiam.
só assim vc não vai querer explodir".

Funciona, viu? Ninguém consegue lidar com educação... principalmente quem quer te foder. Ele espera q vc responda com a mesma moeda, que o barraco arme.
É mais feliz quem não se permite dedada lá.

Anônimo disse...

Bem vinda ao clube ;)

Gabriela disse...

Patricia... vc deve ter algum problema com cú...

J. disse...

também "To ORANDO pra esse dia chegar."
Não se reprima, Patrícia!! Como diria o Tiririca, PIOR DO QUE TÁ NUM FICA, né? Então...

Anônimo disse...

Aix Patricia, leio seu blog todos os dias.. mas apenas hj resolvi comentar. Te entendo TOTALMENTE.. eu tb estou num momento desses.. onde quero mais é q o mundo se foda. E hj, pela milhonézima vez não sabendo dizer NÃO para uma grande amiga, me peguei fazendo a prova dela de Direito da Facul.. sendo q sou Publicitária por formação.
Ah não, cansei. Vou tocar o /Foda-se e pronto.. Theo Becker está vindo com tudo.. tomar conta deste corpinho.
Beijosss.

Rafa Alexandre disse...

Aplausos. É bem isso.
FIM.

Barbarella disse...

hehe a primeira vez que surtei, mamis me encaminhou ao terapeuta.... e lá aprendi que o balde vai enchendo e existe a gota d'gua, aquela que te faz transbordar...pode ser o sabor do sorvete errado, pode ser a internet lenta...pode ser o chora de uma peste, ops digo criança...
Mas todos temos um limite....um ponto de explosão....
E olha...eu já tive vários....e me sinto leve como um pluma depois...e foda-se o mundo...só Deus sabe o que a gente aguenta...depois nego vem dizer...fulana estoura por pouco....pouco é kct...
Paty...se de o direto de estourar, explodir...chore muito depois....e aacorde linda e leve amanhã....te juro, vai te fazer bem....
Bjos e coragem!

Anônimo disse...

Patricia, você já deve tá fazendo isso e nem se dá conta. porque tem isso tb, o fundo do poço não chega de uma vez, chega aos poucos, a pessoa desconta aos poucos até explodir de vez. não acredito que vc faça isso. vc é muito inteligente. se vc perder sua ironia, vai sobrar o que?

@paulilinha disse...

é engraçado como a maioria das pessoas adora julgar os outros e não compreender surtos aleatórios com as consideradas "bobagens" em vez de pensar que aquela "bobagem", aquele "surto" foi fruto da ÚLTIMA gota que caiu e encheu o copo.

Porra, o problema não é a última gota que transborda o copo, são todas as outras antes que a gente tem que suportar.

Feliz em saber que vc entende isso também. São poucos.

Um beijo

Carolda disse...

Daí que eu sempre via o título do seu blog lá no Lonesome Pumpkin, cheguei a clicar uma vez ou outra, mas provavelmente nem comentei. É. Adorei isso aqui. Porque olha, é bme assim mesmo. Há muito tempo eu tenho estado no meu limite e sinto que vou explodir por conta da galinha do vizinho. Faz parte. A vida é isso aí. "Life is a bitch, learn to fuck it."
Beijo

Marina disse...

Esse ano surtei com direito a Valium. Sanidade mandou beijos e mandou dizer que não vem.
Bj!

Anônimo disse...

eu não sei se vale de alguma coisa, más, vou resumir minha vida.

tenho 25 anos,me formei em janeiro [5 anos e meio], tô na minha segunda faculdade q devo terminar em 2 anos [se eu tiver sorte]

não trabalho, não acho nada p/ fazer, nem na minha área, nem em qualquer outra area,

agora tô numa vibe de estudar p/ concurso, más kd disposição.

fora q não namoro, e aí já viu né?

minha vida é um tedioooooooo
tem dias q eu nem queria acordar, seria melhor assim, eu acho.

Anônimo disse...

eu não sei se vale de alguma coisa, más, vou resumir minha vida.

tenho 25 anos,me formei em janeiro [5 anos e meio], tô na minha segunda faculdade q devo terminar em 2 anos [se eu tiver sorte]

não trabalho, não acho nada p/ fazer, nem na minha área, nem em qualquer outra area,

agora tô numa vibe de estudar p/ concurso, más kd disposição.

fora q não namoro, e aí já viu né?

minha vida é um tedioooooooo
tem dias q eu nem queria acordar, seria melhor assim, eu acho.

Eduarda C. disse...

super entendo, concordo plenamente e me identifico também. eu surto sempre.

adorei o blog ;]

Taynara disse...

Concordo TANTO com tudo que vc escreveu nesse post... maior verdade do mundo.
Até porque eu sou a que aguenta um bando e aí quando surto fico com fama de pessoa horrível pq parece que foi por nada.

Elis (ou não!) disse...

Ai, Patrícia.

Leio seu blog todo dia, porque me faz sentir que eu não sou a única. É tanto desânimo com a vida. Dá vontade de matar todo mundo, fugir e virar dançarina exótica no Sri Lanka.

Algumas vezes eu estourei por puro desespero, assim, uma coisa foi a gota d'água. Uma vez foi com meu avô, porque ele falou que eu estava comendo muito e não devia comer mais doce. Explodi de uma forma com ele. Sorte que ele é meu avô e me ama, porque a atitude dele foi me dizer: "filha, voê nunca falou comigo assim, você não é assim. O que está acontecendo com você? Eu sei que o que eu falei te irritou, mas você está com outros problemas, e acabou estourando comigo. Você está infeliz, me conte o que está te perturbando". Deitei no colo do meu avô e chorei minhas mágoas, chorei de derreter.

Foi bom, aliviou.

suyoheros disse...

Dia de Fúria define.

Mary* Coelho disse...

um texto gigante sobre estourar e não aguentar mais a vida e saturação....

e a pessoa comenta isso:

"Gabriela disse...
Patricia... vc deve ter algum problema com cú..."

QUER DIZER

como você disse, 'O que mais me entristece é ter que conviver com as pessoas.'

Mister Neurotic disse...

Você é muito intensa.

AnaHell disse...

Eu tbm.