segunda-feira, julho 12, 2010

cínicos, quero que vocês morram

Essa semana mandei um email climão e até agora não obtive resposta. Foi para uma pessoa que gosto muito, mas nos afastamos de uma certa forma e mais que isso, acredito que ela interpretou que em uma situação eu tenha tomado partido de outra pessoa, coisa que não aconteceu. Mal sabe ela que quando a situação estourou, eu fiquei foi ao lado dela (embora ela não pudesse ver e tal). Percebi isso tem um três meses e fui atrás.

Todas as merdas que eu faço, eu assumo. Já sacaneei pessoas sim, pessoas que não fizeram nada pra mim. Posso ter minha defesa, mas no fim, sacaneei, não foi? Não engulo papo de "foi sem querer", então, jamais me desculparia com alguém assim "ah, desculpa se meti no seu cu, eu tava andando e pá, caí e meu pirocão entrou no teu cu". Não fode, né? Tem essas duas pessoas que um dia espero ainda encontrar e pedir desculpas face to face. Que eu me lembre, só essas duas tem o direito de me descer o sarrafo se eu passar na rua.

Por mais que eu erre, por pior que seja o erro, eu sempre admito. É uma postura que espero das pessoas também, e quase nunca isso acontece. Falando sobre os filhos da puta, Soraya Montenegro bato palmas, porque me sacaneou na cara, tipo vou-foder-a-tua-vida-mermo e pá; Bahuan depois da merda toda, saiu de fininho, não se fez de amigo. Atitudes louváveis. De resto, pega Eve Harrington, Fernanda Montenegro e Miss Suiça, todas fingem que nada aconteceu. Tem nega que me manda email até hoje "Oiiiiii como vc tá? bjus". Você fica assim q sem saber lidar com uma pessoa dessas. Depois a louca sou eu.

O que eu quero dizer com esse post todo é que estou numa fase assim. As pessoas fingem que nada aconteceu e me ligam às 8 da manhã chamando pra pescar. Fico puta duas vezes, como podem me chamar pra pescar depois de terem metido no meu cu e como podem me ligar às 8 da manhã DE UM SÁBADO? Mas enfim.

Reparem que o pior de tudo não é a pessoa me sacanear. Amigos, a vida é isso, estamos preparados para o pior, mas a pessoa sai de cara limpa depois de tudo, te encontra e "Oi, por que não atendeu o celular. Ia te chamar pra pescar".

?
?
?

Nego te encontra e fala "opa tudo bom? saudades" e te dá um abraço. Sendo que nego sabe o que fez e se não souber, pior, dentro daquilo tudo que eu acho. A pessoa tem obrigação de saber. Não vem com esse papo de "aconteceu alguma coisa? o que eu te fiz?", sabe.

Não fez nada, amigão. Tô tranks. Grande beijo.

6 comentários :

Fran disse...

Affs, O-D-E-I-O esse tipinho, que faz que tem memória fraca pra não lembra do que te fez, e pior, aqueles que meses depois ainda vem pedir ajuda/favor... nem que a vaca tussa rs...

Melhoras moça!

Dani disse...

patricia, se vc fosse um personagem de novela ou seriado. qual seria, e por que?
eu não adoro apenas o teu blog, adoro suas opiniões e seu modo de pensar!

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Pois é. Pros meus 'inimigos' (sei lá, essa palavra não é a ideal pra eles,mas enfim)são incapazes DE ANDAR na mesma calçada que eu. M E D O.

To tirando onda não. Mas quando me fodem, eu fodo em dobro. Até arder.

De resto eu sou um amor S2

(mas ó: se essas pessoas te tratam bem 'esquecendo' que te foderam , não será que é pq vc dá margem? Sei lá, o mundo é estranho. Fica sem falar, ué, dá um gelo, ignora, passa com caminhão por cima. Quem sabe um dia eles desistem.)

Sagesse disse...

Meu, a gente acaba aprendendo que tem gente cínica assim em tudo q é lugar. E o pior é q eles acham q é normal ser assim, que as coisas são assim mesmo.

Mas vc fez o certo, q foi tirar satisfações com a primeira pessoa, p quem vc mandou o email. Sempre é bom deixar essas coisas claras.

beijos

Gabriela disse...

Já me senti obrigada a cortar amizade exatamente por isso: o cara fez uma merda fenomenal comigo (e já tinha dado prelúdios de que faria isso). Nem esperava que ele viesse me pedir desculpas e se ajoelhar, até porque soaria fake demais, mas no mínimo que percebesse a cagada e se policiasse pra não repetir.

Meses depois, a criatura fez a mesma coisa, de novo, em escala menor. Quer dizer, se eu já achava q a convivência seria impossível, ali eu tive a certeza mesmo.

Hoje vivo feliz e contente sem ele, obrigada.

Juliana disse...

Mau... seu blog é TUDO!!!
O seu jeito de pensar e encarar a vida é muito parecido com o meu!
To lendo todooos os seus textos.. conheci o blog agora, entao tenho q me atualizar! hehehehe
Parabéns pelo blog e por sua honestidade... poucas pessoas tem a coragem de dizer o q pensa assim!!
=)