terça-feira, junho 29, 2010

maresia, sente a maresia

HAHAHAHAHAHA gente, A CENA do dia.

Minha vizinha me chamando atenção porque a grama da área está grandinha.

"Tem que cortar, né? Fica feio".

Querida, eu estou na FLORESTA AMAZÔNICA, abraços.

E ainda veio dizer que traz doenças. Como assim uma graminha crescida pode trazer doenças? Algum biólogo pode me explicar? E sem essa de dengue, porque com esse sol, nem água parada fica. A grama é o Nelson Mandela da natureza, todo um esforço para sobreviver ali.

Não vou cortar, VIVA O VERDE!

Quando falei que não ia cortar, nega ficou puta. Batemos boca por causa de uma grama. Gente, sério, se isso não é o fundo do poço, desconheço o que é. Chegou uma hora que eu parei e me perguntei: "Patricia, foi isso que você desejou pra sua vida? Brigar com vizinhos para defender a natureza?".

Gabeira ligou e pediu a vibe de volta.

27 comentários :

Tulio Cobain disse...

Já bati boca com meus vizinhos por muito menos, rs.
São sempre divertidas essas cenas.

Beijo.

Thamila disse...

hahahahaha...lembrei do dia em que papai saiu na porrada com o vizinho por causa de um PORTÃO...aí no outro dia já estavam de bem...

acho que o mato pode atrair ratos, sapos...

bjs

Ge disse...

mas vou te dizer que é cada figura que aparece na sua vida, ein.

Dee disse...

"A grama é o Nelson Mandela da natureza, todo um esforço para sobreviver ali."

Acabou, não tem mais o que discutir.

'Lara Mello disse...

Veiii por isso que vamos tudo morre.. Por isso que a natureza se revolta..
kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Ameii o texto..

marie disse...

grama não tem nada a ver com "doenças" não, fica tranquila, ahahaha (sou bióloga, pode falar pra tua vizinha pentelha).

se ficar alta, naipe MATAGAL, pode servir de esconderijo pra alguns bichos, mas enfim.

B. disse...

Patricia,

fale com sua vizinha que ratos, baratas e infestações desse tipo são coisas de CIDADE, URBANIZAÇÃO, CIVILIZAÇÃO...coisas que jibóia-city ainda não viu?!! uma mera graminha, que também é coisa de cidade grande, não atrai nada de ruim!

Fernanda Trugilho disse...

cara, parece que não tem o que fazer da vida...manda ela cortar...
eu hein...
.
.
.
gabeira foi ótema...ahahahahha

@raafael disse...

eu já descia o nível e mandava ela cortar a grama da skavurska dela, pq fica grandinha, fica feio, e passa doença.

não sei brincar dessas coisas

Rosana Tibúrcio disse...

hahahahahaha
Adorei. Isso me fez lembrar o dia que a minha vizinha, agora ex-vizinha, graças, me perguntou: que dia você vai podar essa árvore? (árvore, plantada no jardim [?] da frente da MINHA casa, a propósito).
Eu disse: o dia que eu tiver dinheiro, ou cê quer pagar?


O povo perdeu a noção!
Corta a grama não, Patrícia, dou maior força!!!

Eu SE divirto!

Anônimo disse...

pior fui eu que uma menina veio brigar comigo por causa de 1 real!



linna ceara

Sandrine disse...

Olha, parabéns pela paciência pra discutir. Abre a porta da casa e convida ela pra cortar a grama, já que tá tão incomodada.

Ou então manda dar meia hora de cu, mesmo efeito.

Bellatrix disse...

manda ela cortar [2]

quem raios tem saco pra cortar grama?

Alice no mundo de vidro disse...

concordo! viva o verde! JAHiohaiOHAIOHioahOIAHohaoHAIOHaoHOAHa

Marcos Satoru Kawanami disse...

Eu vou votar na Marina Silva, porque ela não é preguiçosa, e há de manter a grama brasileira aparada. rsrsrs


=D
Marcos

O gerente disse...

Tá plantando Cannabis Sativa no jardim, amor?

paula disse...

acho que todo mundo tem um vizinho fdp, que tem que partir para a "ingnorança"...

é isso aí, mantenha a vibe gabeira e proteja a sua grama!

e continue contando suas maravilhosas histórias de Jibóia City aqui!

=)

Priscilla disse...

Ah vc discutiu não foi nem pela natureza, foi pelo simples fato de nego se meter no que é teu.
Sou dessas de, se algo é meu, quando alguém fala ou reclama aí que não faço! E ainda defendo o direito de não fazer!

Quando a mulher sossegar vc vai lá e corta. Ou não.
bju

cacau disse...

Oi, indiquei seu blog a duas espécies de prêmios lá no meu blog. Se interessar: http://cacaumendonca.blogspot.com/2010/06/ganhei-esse-selo-da-lary.html
;*

Anônimo disse...

Não entendi. Que raios a vizinha tem a ver com a grama do SEU jardim?? Manda ela dar meia hora de bunda.

Keith Melo disse...

Como sempre, muito bom o texto.
Lembrei da vez em que uma vizinha armou barraco com a minha mãe, só porque a minha mãe se chama Deusa e a vizinha alegou que era pecado. Maldita seja a bendita convivência..

FADINHA - Diário Virtual disse...

hahahaha... manda essa doidinha tomar um chá de gramaaaa!!!!
"Neuvosinha" essa, heim??
"A grama é minha, 'os bicho' escondidos são meeeeeeus e ninguém tem nada a ver com isso"
Blá, blá, blá e ouvido de surdo para a criatura.

Marcos Satoru Kawanami disse...

ah, tá... grama é o de menos, né?

mas... e a vuvuzela???

@_mtsilva disse...

Quando ela estiver com fome diz pra ela passar lá pela sua grama aí já resolve 2 problemas.

Anônimo disse...

Mas tenho certeza que se pra crescer a grama precisasse de água vc daria um foda-se pra natureza. Vc ia sair no sol pra molhar graminha?

Sr.Apêndice disse...

AHEUIHAIUHEUIHAUIHEIUAH
Tenho espasmos de riso com tuas ironias! Ler este blog é o meu milkshake de cada dia! :D

Artur disse...

Como foi dito antes, tb sou biólogo e nao traz nenhuma doença, mas pode trazer alguns bichos que veem alí um ótimo lugar pra se esconder... no mais procure saber se por ai tem casos de febre maculosa, que é transmitida por carrapatos que podem achar a grama alta um lugar atraente...

se nao... se joga no verde...

PS: to adorando seu blog!