segunda-feira, agosto 03, 2009

Três motivos para eu NÃO atender o público:

1) Nego DORME na cadeira esperando ser atendido por mim, abre o bocão e baba. Eu vejo, gargalho e tenho que ir "tirar uma xerox" imaginária.


2) Tem um índio esquizofrênico, já falei dele aqui uma vez, só que hoje foi o cunhado dele:

- Vim aqui em nome dele porque ele tem problemas mentais.

- Poxa, jura? Não tem quem diga.


3) Uma das coisas que mais me irrita no atendimento ao público, é que eu digo "não dá pra fazer" e nego responde "Ah, mas eu vim aqui e Fulano me disse que dava sim".

- Então a senhora fala com ele.

Simples assim.

15 comentários :

guilherme disse...

Considerando o ramo de atividade deve ser um pé no saco mesmo.

Gostava de ser barman. Normalmente as pessoas vem felizes receber a bebida.

(E eu também enchia a cara).

Angela disse...

Eu só devo imaginar que você trabalhe no inss, porque pra atender essas pessoas, só pode. Eu trabalho na psiquatria de um hospital e fico passada com a quantidade de índios esquizofrênicos, e nós encaminhamos eles para buscar benefício...por isso pensei que seu trabalho é esse, não deve ser fácil mesmo. público difícil.

mariana disse...

olhando pela ótica do Guilherme, ser barman é uma boa, não?!

motoboy de sampa disse...

eu sei que é um saco a parte do 'numseiquemzinho disse que dava' mas tenha paciência lembrando de como é enfrentar os idiotas burocratas que ficam jogando nego de um lado pro outro como se não tivesse outra ocupação na vida que ficar em fila ashajhsuahsui

Paulinha Chaves disse...

Ah, Patricia! Você e mega engraçada, eu me desdobro na gargalhada. Se meu dia está triste passo por aqui, se o meu astral está ótimo passo por aqui de novo! A-D-O-R-O- seu blog!

Anônimo disse...

Não me canso de afirmar. Isso aqui, é passagem obrigatória.
Beijos

~ Gaa.h disse...

Deve ser um pessadelo mesmo trabalhar assim, trabalhar com publico não é mole, é cada um mais chato que o outro
Huhsuhsuhsuhsuhs
Muito legal seu blog, adoro aqui ;)

Beijoos ~

Lorita disse...

Só quem teve esta experiência sabe a dor e delícia de ser o que é!
Rs!


Prazer, Lorita.

Patsunami disse...

atendimento ao público é uó! Odilho!!

Ana P. disse...

Compartilho de todos esses sentimentos e digo mais:

A.J.U.D.A.!.

Bonnie disse...

que medo

Iguana Ambroziana disse...

Minha nossa ... Nem me fale ... trabalhei com atendimento ao publico 1 ano e meio .. e foi sofrido msm ... rsss .....

vanessa disse...

só tenho uma coisa a compartilhar:

minha primeira (e única, espero) carta de advertência no trabalho foi por maltratar uma peçoua do público. e eu estava sendo simpática.

fim.

Rê :) disse...

HAUHAUAHAUHAUHA, adorei a ultima!!!!! Sempre falam isso mesmo!
huahauahuaha!

bjo

rafa disse...

pora eeeeeeeeeeeeeeeemmmmmmmmmmmmmm?