sexta-feira, outubro 15, 2004

Cartola

O Mundo é Um Moinho

Ainda é cedo amor
Mal começastes a conhecer a vida
Já anuncias a hora de partida
Sem saber mesmo o rumo que irás tomar
Preste atenção querida
Embora eu saiba que estás resolvida
em cada esquina caiu um pouco a tua vida
Em pouco tempo não serás mais o que és
Ouça-me bem amor
Preste atenção que o mundo é um moinho
Vai triturar teus sonhos tão mesquinhos
Vai reduzir as ilusões à pó
Preste atenção querida
De cada amor tu herdarás só o cinismo
Quando notares que estás à beira do abismo
Abismo que cavaste os teus pés

Posts com músicas, poemas, é chaaaato, mas mais uma vez eu pergunto: o blog é de quem?
Aí está a letra do mestre Cartola. Poeta/cantor que eu descobri essa semana. Cartola faz parte do time de cantores que eu sabia que era bom, mas nunca tinha parado pra escutar, quando parei, constatei os anos que perdi sem escutar o mestre. Fica aqui a dica pra quem quiser: escute, porque é simplesmente lindo.