sexta-feira, maio 28, 2004

Diários x Tarantino

Estou começando a pegar uma antipatia fervorosa com o senhor Tarantino, depois de produzir aquela porcaria de Kill Bill, ele disse que um filme não é feito só de belas imagens, insinuando que Diários de motocicleta é só isso. Um filme realmente não se faz somente de belas imagens, muito menos de cenas trash de braço cortado. Se faz do que então? De sangue? Diários de motocicleta não possui só belas imagens como diz um equivocado e egocêntrico Tarantino, é um filme com uma história bem construída, com atores de primeira e um roteiro perfeito. A direção é tão fantástica que consegue passar sem traumas de comédia a uma dramaticidade densa quando reflete sobre o poder da viagem na construção do homem Che.