sábado, março 27, 2004

Podres de Hollywood

Cara, lançaram um livro com os podres de Hollywood, sente só:

Marilyn Monroe
Madura, Marilyn manipulava sua falsa ingenuidade com maestria. Órfã renegada pelos pais adotivos, casou-se aos 16 anos e aos 19 foi infiel, indo para a cama com um fotógrafo. Divorciou-se, posou nua, foi stripper e se prostituiu. Foi um cliente que lhe sugeriu prestar serviços aos poderosos do cinema. Ela gostou da idéia e teve êxito. Entregou-se a inúmeros chefões e chegou ao estrelato. Sua habilidade para o sexo oral era conhecida. Monroe foi para a cama com metade de Hollywood, incluindo Brando, Sinatra e os membros da família Kennedy, JFK e Bobby.

Rita Hayworth
A estrela americana de origem espanhola era uma mulher gentil e sensível, mas penou na mão de dois homens: seu pai, que insistia numa relação incestuosa, e o primeiro marido, Eddie Judson, que explorava-a. A fim de torná-la uma estrela, Judson oferecia-a aos poderosos do cinema. Para divorciar-se, Hayworth teve que lhe dar quase tudo o que tinha. Mas surgiu em sua vida o cineasta Orson Welles, que deu duro para conquistá-la, mas traiu-a quando ela estava grávida. A infidelidade levou a protagonista de "Gilda" ao alcoolismo e ao envolvimento com um príncipe casado. Nunca foi feliz no amor e sofreu com o Mal de Alzheimer.

Marlene Dietrich
A atriz era casada desde que morava na Alemanha, mas mantinha amantes de ambos os sexos sem muito disfarce. Uma foto dela em uma festa com Claudette Cobert esparramada entre suas pernas rendeu muitas linhas na época. Saía com tantas pessoas que há uma lenda onde o presidente Kennedy (um de seus amantes) teria perguntado à ela "Você já transou com meu pai?" diante da negativa dela, ele diz "então de alguma forma eu sou o primeiro".

Grace Kelly
"Aquela Grace, ela se entregava a todos". A frase de um roteirista sintetiza quem realmente era a atriz de "Janela Indiscreta". Denominada ninfomaníaca por uma colunista, Grace chegou ao topo passando por muitas camas e, para se casar com o príncipe de Mônaco, falsificou atestado de virgindade. Grace ficou apavorada com o exame e telefonou para Don Richardson. "Ela estava histérica com a possibilidade de os exames revelarem que não era virgem, porque o príncipe pensava que fosse", revelou Richardson. "Ela me disse que explicou aos médicos que seu hímen fora partido num jogo de hóquei na escola".