quinta-feira, janeiro 08, 2004

Brizola se firma como a maior raposa velha do Brasil

Agora ele está conversando com o presidente Jorge Bornhausen (vulgo Hitler dos Trópicos) do PFL (vulgo SS) para unir os partidos na disputa pela prefeitura do Rio no ano que vem. Brizola está pretendendo apoiar o atual prefeito César Maia, em troca de outros favores políticos, segundo fonte do jornal O Dia. Acho engraçado que uma cidade como o Rio de Janeiro que sempre foi o celeiro da esquerda no Brasil, tenha tão pouca ou quase nenhuma opção para votar em nível municipal. Há anos essa cidade vem sendo governada por idiotas da extrema-direita. Nas próximas eleições os mais cotados são a deputada federal Denise Frossard (pelo PSDB), o senador Crivella (pelo PL) e o prefeito César Maia (pelo PFL). O canditado do PT, Jorge Bittar, está em último lugar na corrida eleitoral. Nobory merece!